20 novembro 2011

Dói, dói muito, mas ninguém se importa.